Eu sinto minhas asas se abrirem

Sinto o vento bater no meu rosto

Sinto as palavras voarem da minha mente

Sinto você, mas já não sinto quem sou

As vezes a vida surpreende

As vezes a vida muda, ela é inconstante

Eu só queria entender

Eu vive em um mundo diferente

Onde a paz fazia parte dos meus dias

E agora estou aqui, sentindo medo a cada segundo

E você quem é?

Quem é você aí sentado?

Quem é você sentado no banco de ônibus?

Quem é você que passou por mim?

As vezes a vida surpreende

As vezes a vida muda, ela é inconstante

Eu só queria entender

A vida é assim, as vezes te assusta

As vezes você sente medo

As vezes você quer fugir

Eu sou assim e você quem é?

Comentários

Comentários

Publicitária. ;)