Segundo o Ministério da Saúde, 51% dos brasileiros estão acima do peso. Esse dado é não somente alarmante, mas também nos traz o seguinte questionamento: a obesidade é o mal do século? Se sim, como podemos combatê-la? A resposta está, na verdade, ao alcance de muitas pessoas.

A industrialização da comida, que trouxe rapidez, calorias e pouco valor nutricional, pode ser um dos eixos dessa “culpa”. Hoje, comemos mal, pois nossa rotina é corrida e nem queremos mais nos preocupar. Mas as conseqüências dessa atitude podem ser muito complicadas. Por isso, precisamos contar com a ajuda do profissional de Nutrição, que se especializa justamente em garantir uma vida mais saudável para todos.

A reeducação alimentar é o primeiro passo para a reversão desse quadro e é nesse ponto que o nutricionista se apresenta com mais sucesso. Em seu curso, ele aprende tudo sobre a composição e efeitos dos alimentos, de modo que consegue, analisando o biótipo e a característica de cada pessoa, proporcionar um cronograma de alimentação balanceado e que vá de encontro a vários objetivos, como emagrecer, se livrar de doenças e evitar outras como diabetes e hipertensão.

A reeducação alimentar é praticada no mundo inteiro e é uma solução para a obesidade. Porém, um acompanhamento nutricional antes de haver o aumento de peso pode também ser muito positivo, e o nutricionista também ajuda nesse momento, estudando o melhor estilo de vida alimentar para cada pessoa.

Comentários

Comentários