Chegar no fundo do poço pode parecer, para muitos, o fim. Uma linha tênue separa o sucesso do fracasso e quanto maior o objetivo que você deseja alcançar, maior pode ser a queda. E quando é para dar errado não importa, parece que todo universo conspira a favor. Nesse momento não importa onde você estudou, se foi em uma escola particular em Campo Grande ou pública, e se fez um cursinho pré-vestibular, mas é importante se agarrar em tudo que você aprendeu para dar a volta por cima.

Para mostrar que está situação é comum e que pode acontecer com qualquer um, separamos algumas personalidades que passaram por este momento, não abaixaram a cabeça e alcançaram o sucesso. Veja asseguir:

Histórias de superação de vida: Steven Spielberg

Steven Spielberg

Se te falarem que um dos maiores cineastas da história foi rejeitado três vezes pela sua faculdade. Sim, o cara responsável por filmes como Indiana Jones, E.T. o Extraterrestre e a Lista de Schindler foi recusado por três vezes.

Muitos, numa situação como está, já teriam desistido na primeira ou segunda negativa, mas este foi diferencial de Spielberg, que acreditou e continuou tentando até conseguir.

Histórias de superação de vida: Steve Jobs

Steve Jobs

O fundador da empresa mais valiosa da atualidade também teve o seu momento de crise. Após anos de trabalho, a empresa criada em uma garagem já estava consolidada no mercado, mas o crescimento de outras marcas, especificamente a Microsoft, fizeram que o famoso CEO fosse demitido. O motivo: divergências sobre os caminhos que a marca devia seguir.

Devastado, Jobs se aventurou por outras da tecnologia e comprou a Pixar. Sim! O famoso estúdio de animações tem uma mãozinha dele. Críticos chegaram a classificar a compra como uma das aquisições mais “idiotas” do cinema.

Depois de um longo tempo, Jobs volta para Apple, onde participa do desenvolvimento de aparelhos como o Iphone, Ipad e o Ipod.

Histórias de superação de vida: J.K. Rowling

JK Rowling

Famosa pela série de livros que contam a estória do bruxo Harry Potter, JK Rowling teve o seu momento no fundo do poço. Antes de lançar o livro Harry Potter e a Pedra Filosofal, Rowling se encontrava desempregada, recém-divorciada e com a filha ainda bebê. A escritora voltou todas as suas forças para concluir o livro do pequeno bruxo.

O momento é lembrado pela escritora como libertador. Mesmo com esse sentimento, o processo foi difícil, durante este período ela foi diagnosticada com depressão. “E assim o fundo do poço tornou-se uma base sólida sobre a qual reconstruí minha vida.”

Essas são algumas histórias de pessoas que passaram por provações e conseguiram supera-las. Acreditar, ter ousadia e força de vontade são as principais formas para conseguir sair de situações como estas, mas uma base de conhecimento, estudar em escolas particulares em Campo Grande MS e estrutura psicológica também são importantes no processo de superação.

Comentários

Comentários