O Pantanal é apreciado por turistas de todo o mundo, em busca de contato com a natureza exótica, observação de animais selvagens e pela beleza deste bioma único. O que também é possível admirar é a abóboda celeste no hemisfério sul, em uma região completamente isolada de iluminação urbana. É perfeito para fãs de astronomia, como eu 😀

Vai praticar ecoturismo no pantanal? Vai a fim de pesca no pantanal?  Mesmo que muitas constelações e estrelas no Pantanal sejam visíveis a olho nu, se tiver um telescópio, leve!

No hemisfério sul há mais constelações visíveis que no hemisfério norte, o que explica a riqueza de pontos brilhantes que o céu se torna à noite. Selecionei algumas principais, mas se quiser acompanhar todas, dê uma conferida nessa lista.

Constelação de Órion: símbolo do verão no hemisfério sul, é fácil de achar pois as Três Marias foram o cinturão deste caçador, que carrega uma caça em uma das mãos e uma lança em outra. No hemisfério sul ele está de cabeça para baixo e é acompanhado por dois cães de caça – as constelações Cão Menor e Cão Maior.

Estrelas no Pantanal - constelação de Orion

Constelação de Escorpião: fica no extremo oposto de Orion, pois segundo a mitologia, o animal matou o caçador e Zeus decidiu mantê-los separados na eternidade para evitar tretas. Em um campo aberto é possível localizar essa constelação a oeste um pouco acima de Vênus, entre as constelações de Libra e Sagitário.

estrelas no Pantanal - constelação de Escorpião

 

Comentários

Comentários